ATO se reúne com o maior fornecedor de açúcar orgânico do mundo


Em 28 de abril, o cônsul-geral dos EUA em São Paulo, Ricardo Zuniga, esteve em Ribeirão Preto visitando a Agrishow, feira internacional de tecnologia agrícola que teve a participação de várias empresas norte-americanas. Na oportunidade, o Agricultural Trade Office (ATO) – Escritório de Promoção Comercial de Produtos Agroindustriais dos Estados Unidos – e o cônsul-geral Zuniga se reuniram com executivos da Balbo Usina São Francisco em Sertãozinho, São Paulo. As unidades da usina da família Balbo são líderes incontestáveis na produção de açúcar orgânico no Brasil e no mundo, abastecendo mais de 30% do açúcar orgânico global. O grupo processa mais de 6,4 milhões de toneladas de cana-de-açúcar por ano para produzir 385 milhões de litros de etanol e 280 mil toneladas métricas de açúcar. Também cogera 235 mil MW de energia elétrica a partir de resíduos de cana (bagaço). O Brasil é o maior produtor e consumidor mundial de etanol combustível depois dos Estados Unidos e o maior produtor e exportador mundial de açúcar. Do total processado por ano, aproximadamente 57% é dedicado à produção de etanol e o restante é destinado à produção de açúcar. A cogeração elétrica a partir da queima do bagaço também é uma atividade cada vez mais importante para essas usinas.